31 de mai de 2012

Eu não cometo erros

Punchinello é uma pessoa de madeira que vive em um vilarejo de pessoas de madeira. Os habitantes tinham o costume de colar estrelas nas pessoas bem-sucedidas e pontos nas pessoas quue tinham dificuldades. Punchinello tinha tantos pontos que as pessoas lhe davam cada vez mais pontos sem motivo algum. Mas aí ele conheceu Eli, seu criador. Eli o incentivou, dizendo-lhe para desconsiderar a opinião dos outros. "Eu fiz você", explicou. "Eu não cometo erros." Punchinello nunca tinha ouvido tais palavras. Quando ouviu seus pontos começaram a cair. (Max Lucado - Sem medo de viver, pág. 30)

Vivemos num mundo em que somos valorizados pelas estrelas e pontos que temos. Somos importantes se fazemos isso, não somos se fazemos aquilo... E o pior é que muitas pessoas dependem disso (a opinião alheia) pra se sentir importante. Não sei se você que tá lendo isso tem muitas estrelas ou muitos pontos colados em você. Mas, sai dessa! Entenda seu valor em Deus. Isaías 11 profetiza um Renovo (Jesus)que viria da geração de Jessé, o pai de Davi. E esse Renovo não julgará segundo a vista dos olhos (a aparência), nem segundo o ouvir dos Seus ouvidos (o que as pessoas dizem), mas julgará com justiça. Ele nos julgará por aquilo que realmente somos, não por aquilo que dizem que somos.

Você é importante,não por causa do que você tem ou do que você faz. Mas porque Deus te fez. O que Eli disse para o Puchinello é o que Deus ainda diz pra nós: "Eu fiz você e Eu não cometo erros." Quando você O ouvir, seus pontos também vão cair.

Deus abençoe,

Rafael.

Nenhum comentário:

Postar um comentário